Zona Central: Abap assume o casarão da avenida Nélson D’Ávila

Compartilhe:

Local vinha sendo utilizado por usuários de entorpecentes

A Abap (Associação Beneficente André Plusplatais) assumiu na manhã deste domingo (23), o imóvel conhecido como “Casarão da Nélson D’Ávila” na região central de São José dos Campos. O local vinha sendo utilizado por pessoas em situação de rua e usuários de entorpecentes. Agora a Abap vai fazer um trabalho social para ajudar essas pessoas e seus familiares.

A ação pacífica contou com o apoio da GCM (Guarda Civil Municipal), da Secretaria de Proteção ao Cidadão e dos assistentes sociais, da Secretaria de Apoio Social ao Cidadão.

Dois homens em situação de rua que estavam no imóvel, aceitaram de forma espontânea, serem atendidos pela UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Saúde Mental e depois serem encaminhados para internação em clínicas de tratamentos para dependentes químicos.

Os outros ocupantes receberam apoio e atendimento das assistentes sociais.

O imóvel é particular e a Abap assinou contrato de comodato com os proprietários.

O imóvel passará por uma reforma para adequação aos projetos sociais que serão implementados nas próximas semanas e que terão apoio de voluntários e empresários, além da Prefeitura.

Considerada de utilidade pública por lei municipal, a Abap está instalada na Vila Bethânia e atua em várias frentes, de ação social e educacional, atendendo às pessoas em situação de vulnerabilidade em parceria com a Sol (Associação Solidária ao Dependente de Substância Psicoativa e aos familiares).

Os funcionários e voluntários da Abap e da SOL são conhecidos dos usuários de crack e dos moradores de rua, pelos serviços que oferecem em outros pontos da cidade, em que disponibilizam banho, café da manhã, roupas, encaminhamento à internação em centros terapêuticos, além de programas de recuperação aos dependentes químicos e aos familiares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *