Suspeito de matar vendedora a tiros, “Corola” é preso em Curitiba!

Compartilhe:

Crime – ocorrido em maio – chocou a cidade e teria sido encomendado pelo ex-marido da vendedora Jaqueline

Foto: DIG

Foi preso na manhã desta segunda-feira (7) em Curitiba o homem acusado de matar a vendedora Jaqueline Barros em maio deste ano. Em um trabalho conjunto com a Polícia Civil do Paraná, a DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de São José localizou o homem apelidado de ‘Corolla’, preso ao lado de Ana Claudia, sua namorada, que também teria envolvimento. O casal confessou o crime.

Maycon Wesley da Silva de Jesus e Ana Claudia da Costa Lima estavam com mandado de prisão e devem ser transferidos para São José nos próximos dias — com a dupla, foram encontrados entorpecentes. A suspeita da polícia é que Corolla tenha sido contratado pelo ex-marido da vítima para cometer o crime.

O caso chocou a cidade. Jaqueline, de 28 anos, foi morta a tiros enquanto trabalhava em uma loja de móveis de lato padrão, na zona central de São José. Antes da dupla, já haviam sido presos o ex-marido e sua atual namorada, suspeitos de encomendarem o crime, e uma mulher, que teria intermediado as ações.

Após a prisão, o homem confessou o crime e deu detalhes do ocorrido. Ele afirma ter sido contratado pelo ex-marido por R$ 7 mil, e que a intenção inicial era assaltar a vendedora. Corolla conta, inclusive, que pretendia levar o dinheiro do ex-marido antes de qualquer ação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *