Praça Cônego Lima ganha figueira-branca com monitoramento da prefeitura

Compartilhe:

Plantio nesta terça-feira (11) é compensação ambiental em relação à figueira centenária retirada recentemente

foto: PMSJC

Com o plantio da nova figueira da praça Cônego Lima, nesta terça-feira (11), a prefeitura de São José dos Campos concluiu o ciclo de compensações ambientais que começou no mês passado, quando foram retiradas duas figueiras centenárias da região central da cidade.

A nova árvore poderá chegar a 16 metros de altura com um metro de diâmetro do caule. De acordo com técnicos da Assessoria de Arborização e Áreas Verdes da Prefeitura, no prazo máximo de 10 anos já deverão estar com 8 metros de altura.

A Prefeitura colocará grades ao redor das duas figueiras como medida de proteção. Também estão programados trabalhos de jardinagem.

O monitoramento das novas figueiras (plantas nas praças Cônego Lima e Dom Bosco) será semelhante ao adotado em relação às 300 árvores centenárias e históricas do município, a exemplo do trabalho que tem sido executado com o jequitibá-rosa do distrito de Eugênio de Melo (região leste) e que foi intensificado após o incêndio de 11 de abril último.

Este trabalho, que inclui adubações constantes e podas periódicas dos galhos, tem como objetivo propiciar crescimento rápido e saudável das árvores.

Compensação ambiental – Além de garantir a recomposição paisagística das praças com as duas novas figueiras, a Prefeitura vai plantar um total de 160 árvores. Destas, 40 já foram plantadas em junho no Parque Ribeirão Vermelho, no bairro Urbanova, na zona oeste. As outras 120 foram plantadas em calçadas da região central, num raio de no máximo dois quilômetros das praças Dom Bosco e Cônego Lima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *